fbpx

Alocação de ativos

Compartilhe esse post

Você sabe o que é? E a importância de saber onde investir seu dinheiro?

A alocação de ativos é uma estratégia de investimento que visa equilibrar o risco e o retorno. Colocando os ativos em uma carteira de acordo com os objetivos de um indivíduo, a tolerância ao risco e o horizonte de investimento.

As três principais classes de ativos que são renda fixa, renda variável e proteção, ou popularmente conhecido como “hedge”, têm diferentes níveis de risco e retorno, de modo que cada uma delas se comportará de maneira diferente ao longo do tempo. Não existe uma fórmula simples ou mágica que possa encontrar a alocação ideal de ativos para cada indivíduo, mas utilizar uma gestão passiva ou contar com fundos de investimento pode ser uma ótima alternativa.

A maioria dos profissionais financeiros diz que a alocação de ativos é uma das decisões mais importantes que os investidores tomam e podem usar diferentes alocações de ativos para objetivos diferentes, se alguém que está economizando para comprar um carro novo no ano seguinte, pode criar uma carteira de investimentos em uma mistura muito conservadora de ativos, certificados de depósito (CDBs) e títulos de curto prazo, por exemplo.

Já aquele investidor que está planejando montar uma carteira de investimentos pensando na sua aposentadoria, e que poderá levar algumas décadas para acontecer, normalmente investe a maior parte de seu capital em ativos mais arriscados, já que ele tem muito tempo para superar as flutuações de curto prazo do mercado.

A tolerância ao risco também é um fator determinante, alguém que não se sente confortável em investir em ações pode colocar seu dinheiro em uma alocação mais conservadora, apesar de um longo horizonte de tempo.

Em sumo quando falamos sobre alocação de ativos temos que ter claro em mente alguns princípios fundamentais para termos sucesso nessa jornada de investimentos.

1° Ao realizar o planejamento financeiro podemos identificar no orçamento seu poder de aporte e entender também, o seu perfil de tolerância a risco e principalmente te assessorar em qual estratégia de investimentos escolher para cada objetivo que deseja realizar em sua vida, e tudo isso com alguém que tem a vivência de mercado e experiência necessária para que você não cometa os erros mais comuns na hora de começar a investir.

2° Os investidores têm duas principais estratégias de investimento que podem ser usadas para gerar um retorno sobre suas contas de investimento: gerenciamento ativo de carteira e gerenciamento passivo de carteira. Essas abordagens diferem em como o investidor utiliza os investimentos mantidos no portfólio ao longo do tempo.

  • O gerenciamento ativo do portfólio se concentra em superar o desempenho do mercado em comparação a um benchmark específico.
  • E o gerenciamento passivo do portfólio visa replicar ou superar os investimentos de um determinado índice.
Investir em bancos ou corretoras?

Diversificar, respeitando o seu perfil de investidor, encontrar um valor de aporte constante são alguns dos pontos que serão abordados pelo seu planejador financeiro aqui na UPlanner, e se você quer sair o quanto antes da poupança conte conosco e invista com uma corretora.

Não tenha a mania que a grande maioria dos brasileiros possui de investir somente por meio de bancos, acreditando que são investimentos seguros. Os bancos cobram muito pela gestão dos seus investimentos e te devolvem quase nada. Se você acredita que investir em bancos é mais seguro que investir em corretoras, nós podemos te mostrar que existem investimentos seguros e mais rentáveis que os oferecidos pelos bancos.

Faça o seu Planejamento financeiro com a UPlanner, além de contar com uma equipe de especialistas, você receberá acesso ao nosso App para organizar as suas Finanças pessoais e cuidar dos seus investimentos.

Voltar a página inicial

Leia também

UPlanner na mídia
UPlanner

Podcast: Empodera elas

Podcast: Empodera elas especial dia das mães! A Nossa querida COO Maria Fernanda, participou do podcast do “Empodera elas” especial dia das mães, para falar

Investimentos
Fernanda Veiga

Fundo de Renda Fixa

Os fundos de renda fixa geralmente tem as carteiras necessitam ter pelo menos 80% do patrimônio aplicado em ativos ligados à variação da taxa de

Redes sociais

Copyright © 2021 . Uplanner

Baixe nosso app

Receba nossas novidades!